FILME 119 > LA DÉLICATESSE (2011)

Por Raphaela Ximenes

Alguns filmes impressionam por conseguirem com muito simplicidade arrebatar. Esse é o caso de LA DÉLICATESSE, um filme sensível sobre se deixar reconquistar.

Baseado no livro homônimo, escrito por David Foenkinos, o filme é dirigido pelo próprio autor e sua irmã, Stéphane Foenkinos. Nele, Audrey Tautou é Nathalie, uma mulher que tem tudo, um marido que a ama muito, acabou de conseguir um bom emprego e começa a pensar em aumentar a família. Porém, seu marido sofre um acidente e morre, de repente. Deixando Nathalie inconsolável. Por três anos a moça passa a se dedicar apenas ao trabalho, onde acaba sendo promovida, mas o resto de sua vida continua parada. Até o dia em que Nathalie passa por uma situação inusitada com o desengonçado Markus (François Damiens). A partir de então Nathalie começa a se abrir para essa nova possibilidade, mesmo que Markus não seja aquilo que os outros esperavam.

Nenhum outro título se enquadraria com maior perfeição a esse filme, LA DÉLICATESSE define exatamente todo o seu desenrolar. Uma comédia romântica que nos lembra porque amamos o cinema francês.

A crítica completa de LA DÉLICATESSE você lê no Almanaque Virtual

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s