DIA 93 > 09.04.2012 > LET ME IN (2010)

Por Raphaela Ximenes

Com a notícia de que a atriz Chloe Grace Moretz poderia reviver Carrie, a famosa personagem de Stephen King, no cinema, pensei que, apesar de repudiar algumas refilmagens, essa poderia tornar-se algo interessante, já que Chloe seria Carrie.

Tão nova e já excelente atriz, Chloe Grace Moretz sempre se destaca nos filmes em que trabalha e talvez seu papel mais importante, até agora, tenha sido Abby em LET ME IN.

Com o “boom” de filmes e livros de vampiros, LET ME IN, baseado no livro sueco “Let the Right One In”, de John Ajvide Lindqvist, consegue sair do lugar comum das histórias romantizadas. Aqui a vampira Abby tem aparência de 14 anos, mas é antiga. Ela fica amiga do introvertido Owen, que sofre com os valentões da escola. Abby se aproxima de Owen, que logo se interessa pela estranha menina. Conforme passam a se conhecer melhor, cresce a confiança entre dois, provando que amor e amizade podem superar tudo.

Um pouco mais linear e esclarecedor que a versão sueca, LET ME IN é um filme sobre vampiros que corre por fora. Não mostra uma paixão impossível, não tem vampiros ameaçadores, nem é explícito quanto ao terror. Na verdade é uma bela analogia sobre amizade, solidão e um pouquinho sobre o primeiro amor.

Uma ótima indicação para os fãs da fofíssima Chloe Grace Moretz, para os fãs de boas estórias de vampiros e para os fãs de cinema em geral.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s