FILME 48 > FRIGHT NIGHT (2011)

Por Raphaela Ximenes

Normalmente torço o nariz para remakes, principalmente de filmes que adoro. Não foi diferente com FRIGHT NIGHT. Reconheço que entrei no cinema para ver esse filme com os dois pés atrás e com a certeza de que iria odiar, já que a versão de 1985 é inesquecível. Para quem cresceu indo ao cinema ver “A Hora do Espanto”, “A Hora do Pesadelo”, “Uma Noite Alucinante” e outros clássicos do terror da época.

Mas, felizmente, muito felizmente, eu estava completamente errada e esse novo FRIGHT NIGHT é uma divertida releitura do original, que conseguiu manter os principais elementos da época, mas atualizou a trama de forma genial, conseguindo ser uma homenagem ao primeiro filme. A partir de então, todo meu respeito ao diretor Craig Gillespie, que conseguiu trazer o filme para 2011 sem o estragar.

Ainda não se convenceu que essa nova versão é ótima? Então lembra que tem o Colin Farrell como o vampiro vizinho do mal (Jerry Dandrige), Anton Yelchin como o medroso, mas esperto, Charley Brewster e meu amado David Tennant (o eterno Doctor Who), como Peter Vincent, uma charlatão “especializado” no oculto, que ajuda Charley. Ah, você é menino e nenhuma dessa razões te convenceu? Bom, tem a mocinha, namorada do Charley, a fofa Imogen Poots, também.

Enfim, faça pipoca, ligue a TV, apague as luzes e divirta-se mais uma vez com FRIGHT NIGHT.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s